Tipos de satélites

Tipos de satélites por função

Armas anti-satélites - por vezes chamados de satélites assassinos, são satélites projetados para destruir satélites "inimigos" e outros tipos de alvos em órbita. Tanto os Estados Unidos quanto a antiga URSS têm esses tipos de satélites.

Satélites astronômicos--- são satélites usados para observações astronômicas, tanto no óptico, quanto em outras bandas do espectro eletromagnético. Satélites de comunicação --- são satélites estacionários utilizados em telecomunicação.

Satélites do Sistema Global de Navegação (GPS) -são satélites que enviam sinais de rádio a receptores móveis na Terra possibilitando a determinação precisa de sua localização geográfica. A recepção direta do sinal dos satélites GPS, combinada com uma eletrônica cada vez melhor, permite que o sistema GPS determine a posição com um erro de poucos metros, em tempo real.

Satélites de reconhecimento -são satélites projetados para observação da Terra ou antigos satélites de comunicação utilizados para fins militares ou de espionagem. Pouco se sabe sobre a capacidade real desses satélites, pois os países que os desenvolvem geralmente não divulgam informações sobre eles.

Satélites de observação da Terra -são satélites projetados para uso não-militar, para, por exemplo, monitoramento ambiental, meteorologia, mapeamento geográfico, etc.

Satélites meteorológicos -são satélites projetados essencialmente para monitorar o tempo e o clima na Terra.

Satélites Geoestacionários - ficção que se tornou realidade -  Os satélites geoestacionários ficam fixos sobre um único ponto da Terra, em vez de girar em torno dela - e são usados, entre outras coisas, para comunicação e previsão do tempo. Eles podem ser considerados filhos diretos da ficção científica. Essas máquinas foram imaginadas pelo escritor Arthur C. Clarke, mais conhecido como autor do clássico 2001 - Uma Odisséia no Espaço, adaptado para o cinema por Stanley Kubrick em 1968. Em 1945, Clarke escreveu um artigo científico para a revista britânica Wireless World prevendo que seria possível construir satélites que ficariam parados sobre um ponto da Terra. Nos meios acadêmicos, ninguém botou fé - mas, 20 anos depois, foi para o espaço o primeiro satélite geoestacionário da história, o Early Bird, usado para transmissões de TV.

Biosatélites --- são satélites projetados para levar ao espaço organismos vivos para experimentação científica.


Satélites miniaturizados --- são satélites com dimensões e massas reduzidas. Atualmente, esses satélites são categorizados como minisatélites (500–200 kg), microsatélites (menos de 200 kg) e nanosatélites (menos de 10 kg).

Satélites de energia solar ---são satélites que usam células solares para captar a energia solar e a convertem em um feixe de microondas, transimido para grandes antenas na Terra por potentes transmissores a bordo do satélite. A energia captada pela antena pode entãos ser usada como uma fonte alternativa de energia.


Estações espaciais --- são estrutura fabricadas pelo homem e projetadas para permitir que seres humanos possam viver no espaço exterior. Uma estação espacial difere de uma espaçonave. Ao contrário das espaçonaves, as estações espaciais não possuem capacidade de propulsão nem de aterrissagem. Por outro
lado as estações espaciais são projetadas para permitir a permanência humana por médios períodos de tempo, que variam de semanas até alguns anos.

5 comentários:

  disse...

eu construi o meu proprio stelite :D

Tiga Cardoso disse...

tente por mais satelites sao poucos

jeff disse...

Legal me ajudou muito!
Mas,não foi o suficiente.
Tinha que ter os nomes também.
Mesmo assim obrigado.

felipe disse...

ajudou muito na minha pesquisa...
obrigadoo

cardial manuel disse...

obrigado me ajudou muito :)